Estudantes já podem acessar resultado do Enem

Em coletiva para apresentação dos dados consolidados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017, o ministro da Educação, Mendonça Filho, e a presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini, ressaltaram a tranquilidade e a segurança da aplicação do exame. Os resultados já estão disponíveis na Página do Participante. É só acessar com os dados pessoais cadastrados e verificar o desempenho.

Mendonça Filho aproveitou a ocasião para divulgar a antecipação do período de inscrição no Sistema de Seleção Unificada (Sisu): de 23 de janeiro a 26 de janeiro.

Confira os dados sobre ausências, notas médias, entre outros destaques divulgados nesta quinta.

Participação

A edição 2017 do exame contou com 6.731.341 inscritos, sendo 4.731.592 isentos do pagamento da taxa de inscrição. Foram 4.725.330 redações realizadas, além de 4.721.444 provas aplicadas em Linguagens e Códigos, 4.712.883 em Ciências Humanas, 4.458.382 em Matemática e 4.458.665 em Ciências da Natureza.

Redação

Das 4.725.330 redações corrigidas, apenas 53 alcançaram nota mil. De acordo com Maria Inês, em 205 casos a banca corretora identificou desrespeito aos direitos humanos. Ao todo, foram 309.157 notas zero.

Média

Os participantes, incluídos os que finalizaram o ensino médio no ano passado, os que eram treineiros e os privados de liberdade, alcançaram 558 de proficiência média em redação, contra 541,9 em 2016. Em Linguagens e códigos foram 410,2; contra 520,5 em 2016. As médias em Ciências Humanas chegaram a 519,3, em 2017; contra 533,5 no ano anterior. Para a prova de Matemática, a média do último exame foi 518,5, diante de 489,5; em 2016. Por fim, a proficiência média de Ciências da Natureza para 2017 foi 510,6; crescimento em relação aos 477,1 de 2016.

Enem 2018

O exame completa 20 anos em 2018 e, em 21 de março, o ministro já divulgará o edital para a próxima aplicação. Entre 2 e 11 de abril, os participantes poderão solicitar a isenção da taxa. É o mesmo período em que os isentos de 2017 que faltaram às provas poderão se justificar e evitar o corte no benefício. As inscrições serão de 7 a 18 de maio, e as provas serão nos domingos 4 e 11 de novembro.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério da Educação e do Inep

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *