Governo constrói programa de apoio a startups baianas

Uma política pública voltada para a área de inovação e que vai apoiar startups de toda a Bahia desde o seu nascimento até a consolidação no mercado. Essa é a proposta do programa estadual Startup Bahia, iniciativa do Governo do Estado, através da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti). O encontro para construir de forma participativa as diretrizes do programa reuniu, no Parque Tecnológico, representantes de empresas, aceleradoras, indústrias, associações, universidades, institutos, além de investidores e poder público.

Presente na abertura do evento, o secretário da Secti, Vivaldo Mendonça, comemorou a adesão dos atores do ecossistema para a construção participativa desta importante política de governo. “O ‘Startup Bahia’ veio para organizar as ações e iniciativas de governo na busca por estabelecer um diálogo aberto com startups do estado da Bahia, organizando uma agenda de governo para o próximo período. É a consolidação de uma política pública capaz de impulsionar este segmento em todo o estado”, disse.

Na oportunidade, os representantes de cada empresa ou instituição apontaram uma agenda mínima de compromissos com o Governo da Bahia, de curto, médio e longo prazos, tendo como contrapartida as políticas de fomento, articulação e comunicação do estado. Também estiveram presentes na oficina o presidente da Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex), Ruben Delgado, o presidente da Associação Baiana de Startups (Abas), Eduardo Fiúza, e o diretor-geral da Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (Fapesb), Lázaro Cunha.

Para o chefe de Gabinete da Secti, Rodrigo Hita, do ponto de vista estratégico, esta iniciativa vai fortalecer a narrativa do governo estadual, no campo da inovação, como força motriz para o desenvolvimento das políticas públicas de fomento aos empreendimentos tecnológicos. “Não há dúvida de que a construção de uma política pública com os atores do ecossistema de inovação da Bahia será um marco para toda a sociedade baiana”, destaca.

Startup Bahia

O programa de empreendedorismo e inovação ‘Startup Bahia’ é uma nova política pública do Governo do Estado que tem a proposta de integrar as ações das diversas secretarias e órgãos envolvidos com esta temática, de forma a garantir efetividade na gestão dos recursos e potencializar e fortalecer o ecossistema baiano de inovação tecnológica. Além da Secti e da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb), a nova agenda integra as Secretarias da Educação (SEC), do Planejamento (Seplan), de Comunicação Social (Secom), do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Casa Civil, da Administração (Saeb), de Desenvolvimento Econômico (SDE) e de Cultura (Secult).

Fonte: Ascom/Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti)

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *