Presidente do TRE-BA anuncia esquema especial para último mês da biometria e alerta eleitores

Em coletiva à imprensa, realizada na manhã desta segunda-feira (18/12), o presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, fez alerta aos eleitores que ainda não realizaram o recadastramento biométrico e anunciou esquema especial de atendimento para janeiro, último mês para realização do procedimento na capital e demais municípios baianos em fase obrigatória.

Durante a conversa com os jornalistas, o desembargador lembrou sobre a última semana do funcionamento da sede do TRE da Bahia e maior parte dos postos da Justiça Eleitoral na capital que, a partir deste sábado (23/12), entrarão em recesso. O retorno das atividades ocorrerá apenas em 2 de janeiro. “Fizemos um grande esforço para encurtar o recesso forense na nossa Justiça Eleitoral e funcionaremos até a sexta-feira. Tudo isso para conceder aos eleitores mais dias para realização do recadastramento. Em janeiro, logo no dia 2, voltaremos com nossa capacidade total de atendimento e mais reforços”, afirmou. Normalmente, o recesso na Justiça Eleitoral obedece ao período de 20 de dezembro a 6 de janeiro.

Conforme o desembargador Rotondano, já a partir desta semana, 15 novos guichês de atendimento deverão ser instalados na sede do TRE da Bahia – no CAB. Com os novos pontos, a Central de Atendimento ao Público (CAP) e cartórios eleitorais, que hoje contam com 111 guichês, passarão a dispor de 126 equipamentos.

A expectativa é incrementar o atendimento em 30%. Atualmente, o tribunal recebe, por semana, uma média de 24 mil pessoas. Em janeiro, a expectativa é a de que – pelo menos – 30 mil eleitores sejam atendidos semanalmente. Para isso, o presidente do Eleitoral anunciou ainda o funcionamento aos sábados durante o mês de janeiro. “Durante os quatro sábados de janeiro funcionaremos em horário normal para atendimento de demanda espontânea. Quer dizer, quem chegar aqui entre 8h e 18h será atendido”, garantiu.

Foi anunciada ainda a convocação de 184 servidores para atuação aos sábados. Além disso, 47 servidores lotados nas secretarias do tribunal também auxiliarão – diariamente – o atendimento na CAP e cartórios eleitorais. “Pensando também na grande procura que deveremos registrar em janeiro, escalamos 57 servidores para atuar em standby. Quer dizer, sempre que a demanda superar nossas expectativas, eles também descerão aos cartórios para auxiliar o atendimento”, completou. Para garantir todo o envolvimento do tribunal durante o último mês do recadastramento biométrico, foi anunciada também a suspensão de férias e licenças – durante o período – de todos os servidores lotados na sede ou cartórios em fase de revisão obrigatória.

O último dia para a revisão biométrica dos eleitores da capital é 31 de janeiro de 2018. Apenas em Salvador, quase 1milhão de cidadãos ainda precisam passar pelo procedimento. A penalidade para aqueles que não atenderem ao chamado da Justiça Eleitoral é o cancelamento do título de eleitor, o que poderá acarretar em outras diversas consequências.

Fonte: TRE BA

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *