Cursos da 20ª Expo Alagoinhas fomentam o empreendedorismo entre os visitantes

Entrar na 20ª Expo Alagoinhas para acompanhar as exposições de animais, ver os estandes, passear com a família e sair do Parque de Exposições Miguel Fontes com uma ideia de empreendimento e possíveis parceiros de negócios. Pode parecer inusitado, mas é o que tem acontecido com boa parte dos visitantes que participam dos mini-cursos ministrados na Expo, em parceria com o IF Baiano e o SENAC.

Leon Andrade foi um dos participantes do curso de fabricação de queijos, realizado na manhã desta quinta-feira (2). Fisioterapeuta de profissão e mestre cervejeiro nas horas vagas, Leon cozinha pizzas e massas variadas para os amigos em casa, mas tem vontade de se desenvolver mais no ramo gastronômico.

“Gosto muito de queijos e sempre procurei vídeos e sites na internet para aprender a fabricar por conta própria. Quero produzir meus próprios queijos e harmonizá-los com as cervejas artesanais”, contou Leon, que já tem toda a estrutura para preparar as bebidas em casa. “Minha vontade é adquirir equipamentos mais profissionais e montar uma mini cervejaria, aumentar a produção”. Leon ainda dá a dica para quem quer casar um bom queijo coalho na brasa, ensinado na oficina, com a cerveja ideal. A pedida é ir de America Wheat Ale ou Pale Ale.

Outra entusiasta da culinária, Magdala Sebadelhe aproveitou o embalo e ficou também para o curso de geleias e compotas, realizado à tarde. “Achei super válido que os cursos tenham vindo para cá, uma feira de negócios aberta ao público. A ideia de trazer essas capacitações para o público foi o grande trunfo da Expo”, avalia Magdala.

A jornalista já faz doces variados, sem conservantes ou adição de açúcar, em casa. Avaliando a possibilidade de começar a vender suas preparações saudáveis, Magdala se interessou pelo curso para entender a parte técnica da conservação e armazenamento das geleias e compotas.

Em meio às explicações teóricas e a hora de colocar a mão na massa, a parte mais esperada das aulas, sem dúvidas, é a degustação dos produtos finais. Nesse momento, o Prefeito Joaquim Neto, a vice-prefeita Iraci Gama e o secretário Geraldo Melo (Comunicação) foram convidados a experimentar a geleia de pimenta doce e o doce de coco e laranja produzidos pelos participantes do curso, com auxílio da instrutora do SENAC Nadja César. “O pessoal está de parabéns, ficou tudo muito gostoso”, avaliou o Prefeito.

Novos mini-cursos serão ministrados nesta sexta-feira (3). A partir das 8h, será realizada a instrução para fabricação de doce de leite cremoso e de corte. Já no turno da tarde, começando às 14h, é a hora de aprender a fazer derivados de tapioca. Todos os cursos são gratuitos e realizados no Parque de Exposições Miguel Fontes. A inscrição é realizada no local.

Serviço:
O quê: Mini-curso de doce de leite e mini-curso de derivados de tapioca
Quando: Sexta-feira (3), a partir das 8h e das 14h, respectivamente
Quanto: Gratuito
Onde: Parque de Exposições Miguel Fontes

 

Foto: Victor Lahiri/SECOM

fonte: SECOM PMA

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *